Atualizando informações ...

SERRA, SERRINHA, SERRANO - O IMPERIO DO SAMBA

Ref: 003219
Marca: RECORD

De R$ 74,90
Por:
R$ 20,00
Economize  R$ 54,90
* Aqui sua compra é 100% segura, compre com tranquilidade.
Simulador de Frete
- Calcular frete
Frete e prazo de entrega
Descrição Geral
Produto Usado: Livro em bom estado. Capa com poucas manchas, um pouco aranhada, com as pontas amassadas. Miolo de corte branco, com poucas mancha
A história da escola de samba Império Serrano, que completa 70 anos em 2017. A história de uma escola de samba sempre é a história do bairro, da região, onde surgiu e evoluiu. Há exceções, porém: Mangueira, Portela, Salgueiro e Império Serrano, instituições com cujos caminhos é possível contar o caminho do Rio de Janeiro no século XX. A trajetória do Império Serrano, por exemplo, confunde-se com a da cidade de forma dramática. Afinal, ascensão e declínio de ambos não apenas coincidem; estão relacionados. Nove vezes campeã do carnaval, sendo a última em 1982, não terá sido à toa que a agremiação cantou as glórias e as saudades do estado da Guanabara em 1988. De lá para cá, foram alguns rebaixamentos, logo seguidos do regresso à elite, até que se estabilizasse na segunda divisão do carnaval. Em 2017, quando o Império Serrano completa setenta anos, somam-se já oito no grupo de acesso, período em que também não à toa o morro da Serrinha, berço da escola, teve escalada de violência sem precedente. Nada, porém, que ofusque uma história em cuja fundação o mais importante pilar é o da revolta contra o autoritarismo e em cuja origem suburbana, logo após a abolição, encontram-se trabalhadores rurais da velha freguesia do Irajá, gente vinda do Vale do Paraíba e da Zona da Mata mineira e estivadores do porto do Rio. Esse encontro garantiu e parece garantir independentemente de carnaval e da passagem do tempo que o Império Serrano se constituísse num dos mais sólidos polos irradiadores de cultura do Brasil, núcleo criativo referencial para a vitalidade do samba, casa de gênios como Silas de Oliveira, Dona Ivone Lara, Beto Sem Braço e Arlindo Cruz. E ninguém melhor do que Rachel Valença para contar 35 anos depois da primeira versão deste livro pioneiro, escrita com o saudoso Suetônio Valença esse enredo brasileiro fundamental.
Características
  • Acessórios do livro: Não aplica
  • Altura: 24 cm
  • Ano de Edição: 2017
  • Ano de publicação: 2017
  • Autor: VALENCA
  • Capa do livro: Mole
  • Coautores: Não aplica
  • Coleção do livro: Não aplica
  • Com índice: Não aplica
  • Com páginas para colorir: Não
  • Com realidade aumentada: Não
  • Edição: 1
  • Edição do livro: 1
  • Editora do livro: RECORD
  • Encadernação: Brochura
  • Escrito em letra maiúscula: Não
  • Gênero do livro: MUSICA
  • Idade máxima recomendada: 80 anos
  • Idade mínima recomendada: 10 anos
  • Largura: 17 cm
  • Marca: RECORD
  • Material da capa do livro: Não aplica
  • Origem: Nacional
  • Peso: 660 gr
  • Quantidade de livros por kit: 1
  • Quantidade de páginas: 434
  • Série: Não aplica
  • Subgêneros do livro: Não aplica
  • Subtítulo do livro: Não aplica
  • Tamanho do livro: Não aplica
  • Tipo de narração: Conto
  • Título do livro: SERRA, SERRINHA, SERRANO - O IMPERIO DO SAMBA
  • Tradutores: Não aplica
  • Versão do livro: Não aplica
  • Volume do livro: Não aplica
  • Condição do produto: Usado - Bom
Formas de Pagamento
Avaliações

Produtos visualizados

Carregando ...